União Mania

Site não oficial do União São João Esporte Clube

Araras (SP) Brasil

HOME | NOTÍCIAS | ELENCO | HISTÓRIA | ESTÁDIO | TÍTULOS | JOGOS | JOGADORES | TIMES | MULTIMÍDIA | ARARAS | LINKS | CONTATO |

NOTÍCIAS 2021

NOTÍCIAS 2015-2019

 

União é derrotado no Sub-15 e Sub-17 neste sábado.
    
O União São João foi até Jarinu enfrentar as equipes do Red Bull Bragantino e saiu derrotado nas duas categorias. Pelo Sub-15 o Verdão perdeu por 3 x 1 e pelo Sub-17 o placar foi mais elástico, 5 a 1 para os donos da casa. As equipes do União voltam a campo neste sábado (18), em Araras, contra a Ponte Preta encerrando o primeiro turno.

 

União estréia no Sub-15 e Sub-17 sem jogar.
     Pelo Grupo 3 do Sub-15, o Brasilis conseguiu uma excelente vitória sobre a Ponte Preta por 3 a 1; a Itapirense, que não conseguiu inscrever seu jogadores a tempo, perdeu por W.O. para o União São João e o Red Bull Bragantino bateu o Mogi Mirim pelo placar de 2 a 0. Pelo Sub-17, Arara e Macaca não saíram do 0 a 0, a Esportiva perdeu para o União de Araras também por W.O. e o Massa Bruta repetiu o placar e venceu o Sapão por 2 a 0. (https://www.ocuriosodofutebol.com.br/)

 

Prefeitura Municipal anuncia parceria inédita com o União São João Esporte Clube em Araras

     Na tarde desta sexta-feira (20), nossa reportagem esteve acompanhando ao vivo a assinatura de uma importante parceria entre a Prefeitura Municipal de Araras (SP), com o União São João Esporte Clube.
     De acordo com informações, a novidade consiste na utilização do Estádio Doutor Hermínio Ometto, também conhecido como Herminião, para ações sociais relacionados ao fomento ao esporte, com a prática de diferentes modalidades no local. “O estádio Hermínio Ometto, casa do verdão de Araras, conta uma estrutura difícil de encontrar em outras cidades da região, com campos de futebol, pistas de atletismo, quadras de areia, entre outros espaços que utilizaremos para a prática esportiva e também para realização de eventos que visam o fomento do esporte em nossa cidade, principalmente na vida de crianças e jovens”, comentou o secretário de Esportes, Douglas Marcucci.
Esportes para todos

     O projeto “Esportes para todos” vai dar a oportunidade a crianças e jovens de praticarem várias modalidades esportivas, de forma totalmente gratuita. As aulas serão ministradas por educadores físicos da Secretaria de Esportes.
     “A parceria visa o fomento ao esporte e também um melhor aproveitamento desse espaço, que é tão importante para a história de Araras. Mais do que isso, é uma forma de oferecer novas oportunidades e possibilidades para nossas crianças e jovens, por meio desse instrumento tão importante de educação, disciplina e dedicação. O esporte muda vidas, acreditamos nisso e lutaremos para que realmente seja uma possibilidade em nossa cidade”, finalizou Douglas.
     Além disso, durante a transmissão, também será anunciado o retorno do União São João aos campeonatos da Federação Paulista de Futebol, ainda em 2021. “Essa parceria e o anúncio do retorno das atividades desse clube tão importante para nossa cidade marcam momento histórico em nossas vidas. O esporte é uma das ferramentas mais importantes de inclusão social, pois além de desenvolver o físico e saúde de seus praticantes, também tem papel fundamental na aquisição de valores importantíssimos para harmonia social e precisa ser valorizado. Contribuir para o retorno das atividades efetivas do União São João de Araras e de uma nova história de glórias é um grande sonho sendo realizado”, explicou o prefeito de Araras, Pedrinho Eliseu.

Leia mais em: https://reporterbetoribeiro.com.br/prefeitura-municipal-anuncia-parceria-inedita-com-o-uniao-sao-joao-esporte-clube-em-araras-sp/?fbclid=IwAR2oT4KNa4omFJLWD-mWP-VFnEBveo9LtUXoRCRzGj3po8m-i-yNdIstKlI

 

União São João disputará os Campeonatos Paulistas Sub-15 e Sub-17 em 2021.

     O União São João disputará os campeonatos sub-15 e sub-17 da Federação Paulista de Futebol neste ano. O Verdão está no Grupo 03 ao lado de Mogi Mirim, Itapirense, Brasilis, Ponte Preta e Red Bull Bragantino. O jogos começam dia 28 de agosto.
Sub 15:
Primeira Fase - Primeiro Turno - Grupo 03
28/08/2021 (09:00h) - Itapirense x União São João
04/09/2021 (09:00h) - União São João x Brasilis
07/09/2021 (09:00h) - União São João x Mogi Mirim
11/09/2021 (09:00h) - Red Bull Bragantino x União São João
18/09/2021 (09:00h) - União São João x Ponte Preta
Segundo Turno
25/09/2021 (09:00h) - União São João x Itapirense
02/10/2021 (09:00h) - Brasilis x União São João
09/10/2021 (09:00h) - Mogi Mirim União São João
16/10/2021 (09:00h) - União São João x Red Bull Bragantino
23/10/2021 (09:00h) - Ponte Preta x União São João
Sub 17:
Primeira Fase - Primeiro Turno - Grupo 03
28/08/2021 (11:00h) - Itapirense x União São João
04/09/2021 (11:00h) - União São João x Brasilis
07/09/2021 (11:00h) - União São João x Mogi Mirim
11/09/2021 (11:00h) - Red Bull Bragantino x União São João
18/09/2021 (11:00h) - União São João x Ponte Preta
Segundo Turno
25/09/2021 (11:00h) - União São João x Itapirense
02/10/2021 (11:00h) - Brasilis x União São João
09/10/2021 (11:00h) - Mogi Mirim União São João
16/10/2021 (11:00h) - União São João x Red Bull Bragantino
23/10/2021 (11:00h) - Ponte Preta x União São João

 

União São João de Araras é homenageado na Câmara pelos 39 anos de fundação

     A autoria da homenagem é do vereador Pedro Eliseu Sobrinho (DEM), que entregou na última quarta-feira (26), durante a 4ª sessão ordinária de 2020, moções de congratulações ao atual vice-presidente do União São João, Antônio Carlos Beloto, que esteve representanto todos os dirigentes que passaram pelo clube e aos ex-jogadores Waldemar Edson Privatti e Odair Esídio que estiveram representando todos os jogadores que atuaram pelo alviverde de Araras.
     Privatti foi o atleta que mais vestiu a camisa do União São João e Odair Esídio fez importantes gols com a camisa do time ararense, inclusive o do título da Série C do Brasileiro em 1988 diante do Passos-MG, no empate por 2 a 2, e o do acesso à Série A do Brasileiro em 1992, contra o Noroeste, em Bauru, na vitória, por 2 a 0.
     Desde a sua fundação no dia 14 de janeiro de 1981, o União São João é o maior embaixador de Araras. O clube surgiu pela iniciativa do proprietário da Usina São João, Hermínio Ometto, que sempre alimentou o desejo de a cidade de Araras ter um representante no esporte mais popular do Brasil, o futebol. As cores do uniforme do time foram escolhidas pelo próprio mentor, Hermínio Ometto, o verde representa a cana e o branco o açúcar.
     Para o vereador Pedro Eliseu Sobrinho, que atuou na mídia esportiva nos anos 80 e 90 e narrou inúmeros jogos do União São João, o ararense deve se orgulhar do clube que marcou história em todo o Brasil. “Todos nós torcedores devemos nos orgulhar deste time que marcou história no cenário futebolístico nacional e deu tantas alegrias ao povo de Araras. Poucos times fora das capitais alcançaram o sucesso do União São João, que acumula dois títulos brasileiros, da Série C em 1988 e da Série B em 1996, o título de campeão paulista da Divisão Intermediária (Série A2 do Paulista) em 1987, melhor time do interior no Campeonato Paulista da Série A1 em 1997, vice-campeão Paulista em 2002, disputou quatro vezes a elite do Campeonato Brasileiro, nos anos de 1993, 1994, 1995 e 1997, jogou contra times internacionais do Japão, Turquia, México, Peru e Portugal”, recorda.
     O União São João também é reconhecido por ter revelado o maior lateral esquerdo de todos os tempos. “Não podemos deixar de mencionar o Roberto Carlos que foi revelado pelo União São João e tornou-se pentacampeão mundial com a Seleção Brasileira em 2002, disputando ainda as Copas de 1998 e 2006. Mas, também quero ressaltar que todos os jogadores que vestiram e honraram essa importante camisa sintam-se homenageados, inclusive o que aqui estão nesta noite recebendo a homenagem, o ex-goleiro Privatti e o ex-volante Odair, dois craques, indiscutivelmente”, declara Pedro Eliseu Sobrinho.
     Todos os presidentes do União São João também foram lembrados pelo vereador, durante o seu discurso. “Aos presidentes Hermínio Ometto, Gilberto Ometto, Paulo Curtulo, Marco Logli, Iko de Jesus Martins, José Mario Pavan os nossos mais sinceros agradecimentos pela história construída a frente do nosso querido e estimado União São João de Araras”, disse.
     O vice-presidente do União São João, Antônio Carlos Beloto, lembrou que muitos jogadores que passaram pelo União São João ainda estão em atividade em grandes clubes do futebol brasileiro e deixou uma esperança de que o União ainda deverá voltar um dia. “Quero agradecer esta homenagem e dizer que há jogadores revelados aqui jogando o Campeonato Brasileiro, caso do Claysson no Bahia-BA, Luan no Sport-PE, Diego Pituca no Santos, entre outros, estamos lá com as nossas filiações em dia e na esperança de retornarmos em breve, se não fossemos para pensar assim, já tínhamos fechado as portas literalmente e ido embora para casa, o União é um gigante que está apenas adormecido”, disse.
     Atualmente as categorias de base do União São João mantém o clube em atividade, devendo disputar neste ano, o Campeonato Paulista da Federação Paulista de Futebol, Sub 11 e Sub 13. Nilsinho Zanchetta – Diretoria de Comunicação da CMA

 

União São João: histórias de quem viveu no clube e sente saudades do Verdão
Ramon Rossi
     Nesta terça-feira (14), o verdão de Araras, o saudoso União São João, completa 39 anos de fundação. Mas, como nos últimos anos, a entidade ararense não tem muito o que comemorar, afinal, desde a derrota em casa por 3 a 2 para o Pirassununguense, em setembro de 2014, o time não entra mais em campo para jogos oficiais. Para ex-funcionários e torcedores ouvidos pelo Jornal Cidade, só resta saudades.
     Assim como Araras é uma das cidades pioneiras em abolir a escravidão, rompendo os grilhões do último escravo em 8 de abril de 1888, antes da Lei Áurea, e ser a primeira cidade do Brasil a realizar a Festa da Árvore no dia 7 de junho de 1902, o União também manteve a tradição do pioneirismo local: foi o primeiro time brasileiro a se tornar clube-empresa, em 1994.
     Foi também dos primeiros do interior de São Paulo a contratar jogadores de grandes clubes, com passagem até pela Seleção Brasileira, casos dos goleiros Gilmar e Velloso, o lateral China, os meias João Santos, Aílton e Aílton Lira, e os atacantes Washington, Éder Aleixo e João Paulo, entre outros. O União São João é o time que revelou o melhor lateral esquerdo do Brasil de todos os tempos: o craque Roberto Carlos.
     Em setembro passado, a reportagem do JC visitou as instalações do estádio Dr. Hermínio Ometto, pintado nas cores verde e branco, dos donos da casa. O gramado parecia estar em boas condições, assim como as arquibancadas e os vestiários. É uma visão impressionante, pela estrutura sempre elogiada do "Herminião".
     Para Nilsinho Zanchetta, jornalista esportivo de Araras, escritor de livros sobre a história do futebol local e regional e que acompanhou décadas da história do clube, 14 de janeiro é um dia inesquecível. “Foi pelo União São João, tão glorioso, que me apaixonei pelo rádio, pela TV e por futebol, nesta mesma ordem. Ter me formado jornalista me proporcionou trocar a arquibancada pelo gramado, afinal, o que eu queria mesmo era estar cada vez mais perto do time, sentir a emoção, transmitir emoção. Esse sonho eu realizei. Me emocionei com as vitórias e chorei com as derrotas. Sabe o sentimento de amor que temos pela nossa mãe, pela nossa filha, pela nossa família? Pois bem, é o mesmo que sinto pelo União São João, um amor incondicional, um amor de verdade. Parabéns União São João pelos 39 anos de história”, comentou ele.
     Silvio Garlizoni, ex-atleta e ex-treinador do União, que estava na equipe que em 1987 conquistou o primeiro título do Clube Campeão Paulista da Segunda Divisão, disse que o tratamento por lá não era apenas profissional não. Era muito familiar. “Cheguei na Usina São João em março de 1982, na época era São João. Fiquei como jogador até 1988. Como treinador, trabalhei 1996 e 1997 sendo Campeão Paulista de Junior. Em 2002 voltei na base como treinador da categoria Sub-15, 17, 20, auxiliar do Profissional e vários jogos e, então, fiquei até 2013. Tenho muita saudade dos treinos. Jogávamos nos domingos à tarde na Usina e levávamos toda a família no fim do jogo no clube social. Fazíamos tudo com amor porque tínhamos tratamento de família e de muitos amigos”, relembrou. (reporterbetoribeiro.com.br)